banner

Senar-MT anuncia os destaques do Senar Tec – Mapa Leite

716 0
Rosimar Aparecida Aquino e Edgar Garcia de Matos, do Sitio Aquino

Rosimar Aparecida Aquino e Edgar Garcia de Matos, do Sitio Aquino, localizado a cerca de 10 quilômetros de Pontes e Lacerda, foram um dos destaques do Senar Tec – Mapa leite 2019.  Além do sitio Aquino, a fazenda Madalena de Zhivago Antônio Aguiar e o sitio Cuiabá de Djalma de Freitas também foram destaque deste ano. Já a Fazenda Madalena também “levou” o destaque do projeto Senar Tec – Mapa Leite realizado entre 2016 e 2019.
Rosimar e Edgar não esperavam esta conquista. “Trabalhamos muito, mas só tivemos noção do que fizemos quando fomos agraciados com este prêmio. Para nós é um prêmio muito importante. Foi uma conquista inesperada”, diz Edgar entusiasmado.
Os dois trabalham “ombro a ombro” na propriedade. Rosimar destaca que muita coisa mudou nos últimos três anos, desde que passaram a fazer parte do programa Senar Tec – Mapa Leite.
Eles contam que mantém o mesmo número de animais desde quando entraram no projeto, mas que a média de leite/vaca/dia aumentou de quatro para oito litros. “Aumentamos a rentabilidade e a produtividade. Aprendemos a fazer o volumoso de forma correta e ainda melhoramos a qualidade dos nossos animais”, ressalta Edgar.
No sítio Aquino são feitas duas ordenhas ao dia. Edgar brinca e enfatiza que a do período da tarde é para pagar as despesas e a da manhã é a lucratividade. Ele garante ainda que aprendeu muito ao longo dos três anos. “E me sinto preparado para ajudar meus vizinhos a prosperarem assim como eu”. O sonho do casal é produzir cerca de 300 litros por dia, mas ainda não fizeram o planejamento e não sabem ao certo quanto tempo levarão para atingir esta meta.
Considerado o marco de encerramento do projeto Senar Tec – Mapa Leite, que atendeu durante três anos cerca de 120 produtores em Pontes e Lacerda, Workshop ATeG – Senar-MT realizado em parceria com o Sindicato Rural de Pontes e Lacerda,  ainda teve muitas novidades que deixaram os produtores bastante otimistas. O superintendente do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Gros (Senar-MT), Otávio Celidonio anunciou que no próximo ano a instituição ainda fará três visitas aos 120 produtores que fizeram parte do projeto.
Na opinião de Celidonio estas três visitas serão para fazer um acompanhamento e ainda uma orientação para o planejamento dos próximos anos. O superintendente anunciou ainda a abertura de outras frentes de trabalho na área de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG). “A assistência é muito importante para o desenvolvimento do produtor”.
EVENTO –  o Workshop ATeG – Senar-MT realizado na última sexta-feira (01.11), em Pontes e Lacerda, foi mais uma capacitação para os produtores de leite. Além da palestra do coordenador de ATeG, do Senar-MT, Armando Urenha, os produtores também tiveram a oportunidade de ver a palestra do Superintendente do Senar-MG, Christiano Nascif, que também é coordenador técnico do Programa de Desenvolvimento da Pecuária Leiteira – UFV e também do projeto Educampo.
Nascif apresentou números da cadeia produtiva do leite, falou sobre viabilidade econômica da cadeia produtiva, destacou a importância da gestão, da genética e da nutrição. “E para fazer tudo isso bem feito, o produtor precisa de uma boa assistência técnica”. O superintendente do Senar-MG também deu várias dicas para os produtores que participaram do evento.
Isso sem contar que o evento também serviu de ponto de encontro para os produtores que aproveitaram para conversar, trocar informações e conhecimentos.

Fonte: Assessoria de imprensa SENAR MT

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Holler Box
Holler Box