Policia Militar prende três bandidos em Cuiabá com armas do Exército

113 0

Prisões ocorreram na tarde desta sexta-feira (4).
Além de roupas camufladas, a PM apreendeu armamentos de uso exclusivo.
Três suspeitos de integrar uma quadrilha de assaltos a bancos, na modalidade ”Novo Cangaço”, e de arrombamento a caixas-eletrônicos, foram presos pela Polícia Militar, na tarde desta sexta-feira (4), em Cuiabá. Com eles, a polícia apreendeu armamentos pesados de uso exclusivo das Forças Armadas.
As prisões ocorreram em uma casa na Rua São Gerônimo, no Bairro Pedra 90, e os policiais apreenderam três armas, sendo um fuzil, calibre 556, uma espingarda, calibre 12 e uma pistola, calibre 9 milímetros e 231 munições. Desse total, 154 eram de fuzil, 50 de pistola e 27 de espingarda. A ação do Comando Regional da Polícia Militar e da Companhia Independente do Pedra 90, ocorre paralelamente a Operação “Livramento”, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), e que já prendeu 12 pessoas que atuavam no estado em assaltos na mesma modalidade.
A Polícia Militar também encontrou com os suspeitos presos nesta sexta-feira diversos objetos de uso pessoal e utilizados durante os assaltos, como GPS, celulares, binóculos, alimentos enlatados, máquinas fotográficas e instrumentos para sobrevivência na mata, além de droga. Entre os objetos estavam também roupas camufladas, redes, máscaras e luvas para disfarce.
Segundo o Comandante Jandir Metelo da Costa, do Comando Regional 1da PM, os policiais chegaram aos suspeitos por meio de denúncias. A quadrilha, conforme a polícia, atuava em pelo menos dez municípios como Nortelândia, São Pedro da Cipa, Lucas do Rio Verde, Poconé, Denise, Barra do Bugres, e Alto Araguaia, sendo o último assalto realizado no município de Cacoal, no estado de Rondônia.
Uma investigação foi aberta pela Polícia Civil para localizar outros integrantes da quadrilha, que podem estar localizados em diversos municípios do estado. Os presos serão encaminhados à Delegacia do Centro Integrado de Segurança e Cidadania (Cisc) do bairro Planalto.
Conforme levantamento da PM, os três que foram presos durante a ação policial desta sexta-feira possuem passagens pela polícia por roubo, homicídio e tráfico.