Perícia irá apontar se ultrapassagem indevida resultou na morte de empresário em Kawasaki

770 0

Do: Olhar Direto

Foto: Joelma Pontes/ Reprodução Facebook

Uma suposta ultrapassagem indevida pode ser a causa do acidente que vitimou fatalmente o empresário Willian Silveira, o ‘Vovô’, de 46 anos, na manhã deste domingo (2), na MT-010 (rodovia Helder Cândia). Segundo o oficial de dia, do Batalhão Rodoviário de Trânsito (BPTran), tenente Alcides Dutra, Silveira estaria pilotando a motocicleta Kawasaki  ZX-10R em alta velocidade e se chocou frontalmente contra um veículo Honda HR-W, durante a tentativa de ultrapassagem. “Vovô” participava de um passeio com um clube de moto no momento da tragédia.

Mediante a violência da colisão, estima-se que o corpo do empresário tenha sido arremessado a mais de cem metros da pista. Ele morreu na hora.

De acordo com o tenente Dutra, ainda não é possível afirmar  qual a velocidade que a motocicleta transitava. Ele frisa que somente  após análise da Perícia Oficial e Identificação Técnica (POLITEC) é que será possível elencar como o acidente aconteceu e qual a real velocidade empregada pelos dois veículos envolvidos. O caso será apurado pela Delegacia Especializada em Delitos de Trânsito (Deletran).

Ao Olhar Direto, o oficial informou que o condutor do Honda foi identificado como  Antônio Carlos Garcia, de 63 anos, que sofreu escoriações e foi socorrido até o Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá. Ele estava com um passageiro no carro, mas não há registro que ele tenha sofrido ferimentos.

Willian Silveira era proprietário de uma empresa de venda de rações em Várzea Grande.  Ele integrava o ‘Moto Clube MT 65’ onde era conhecido pelo apelido de ‘Vovô do Moto Clube’. Nas redes sociais, Willian declarava em suas redes sociais o seu amor pelas motos. Amigos e familiares postaram mensagens lamentando o trágico acidente.

Holler Box
Holler Box