Panfletagem sobre a campanha “Não dê esmola promova cidadania” é realizada na Avenida Brasil

147 0

Servidores do Centro de Referência em Assistência Social, do Departamento de Cultura da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, e da Secretária de Saúde de Campo Verde, apoiados pela Polícia Militar, realizaram uma panfletagem sobre a Campanha “Não dê esmola, promova cidadania” na manhã de hoje (7).

Durante uma hora, os motoristas e pedestres que passavam pela Avenida Brasil receberam um panfleto explicativo sobre a campanha com a orientação para não darem esmolas às pessoas que vivem em situação de rua.

A campanha foi implantada em maio desse ano e foi idealizada a partir de debates durante as reuniões do Gabinete de Gestão Integrada Municipal. Encampada pela Secretaria Municipal de Assistência Social, tem por objetivo despertar nas pessoas a consciência de que nem sempre o dinheiro dado como esmola é utilizado na compra de alimentos e pode alimentar o vício em álcool ou outro tipo de droga.

A esmola, de acordo com o coordenador sócioassistencial da Secretaria Municipal de Assistência Social, Ricardo Souza, em vez de ajudar o pedinte a deixar as ruas, pode estimula-lo a continuar na mendicância. “Quem se deparar com uma pessoa pedindo esmola, deve comunicar a Secretaria de Assistência Social para que sejam tomadas as providências necessárias”, orientou. Os telefones da SAS são (66) 3419- 1429 ou 3419-3516.