Mulher morre com suspeita de influenza H1N1; segundo caso em três dias

1624 0

Do: Olhar Direto

Foto: Rogério Florentino/ Olhar Direto

Uma mulher, que não teve o nome divulgado, morreu na madrugada de quarta-feira (29), na Santa Casa de Misericórdia de Rondonópolis (215 Km de Cuiabá), com suspeita de ter contraído o vírus influenza H1N1. Esse é o segundo caso registrado no município em menos de uma semana. No último dia 27, um idoso de 64 anos morreu em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), também com suspeita da doença.

Cinco pessoas estão internadas com suspeita d a doença em Mato Grosso. Quatro são moradores de Rondonópolis e uma outra paciente moradora de Jaciara (146 Km de Cuiabá). Outras seis pessoas, incluindo um bebê, estiveram na unidade com suspeita de H1N1.

Elas receberam alta médica, mas fizeram a coleta do material e aguardam os resultados. O exame foi encaminhado para o Laboratório Central do Estado, em Cuiabá. A equipe da Vigilância Epidemiológica de Rondonópolis aguarda os resultados.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) alerta para que a população tome a vacina contra a gripe. Os grupos considerados prioritários são crianças de seis meses a cinco anos, 11 meses e 29 dias, idosos, gestantes e profissionais ligados a área da saúde. A campanha segue até o dia 31 de maio nas unidades básicas de saúde.

A Coordenadoria de de Vigilância Epidemiológica aguarda o resultados dos exames para confirmar as causas das duas mortes.

Holler Box
Holler Box