Mercado de VANTs e Drones é promissor e demanda mão de obra qualificada

Capacitação

1700 0


Thamylon Camilo
Esta semana, mais uma turma foi capacitada para atuar no mercado de Veículos Aéreos não Tripulados (VANT) – Drone, em Porto Alegre do Norte. A cada dia que passa, estes equipamentos ganham mais e mais espaço no setor do agronegócio brasileiro. Estima-se que 25% do faturamento mundial dos VANTs e Drones seja para a agricultura.

Estes equipamentos têm as mais variadas funções nas mais diversas cadeias produtivas. Com isso, aumenta também a necessidade de mão de obra qualificada. O mercado é promissor e os profissionais estão em busca de capacitação.

Este é o caso do técnico agrícola, Anderson Betto Camargo, de 33 anos. Ele conta que tem um drone e que já utiliza no seu dia a dia. “Como as mudanças chegam com muita rapidez neste nosso setor precisamos estar sempre nos atualizando”, destaca. Camargo acrescenta ainda que para se manter no mercado é preciso estar sempre estudando.

Para atender esta demanda crescente de capacitação de mão de obra para o setor de operação de Vants e drones, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) oferece o treinamento de Operação de Veículos Aéreos não Tripulados – Drone. Com carga horária de 16 horas, o curso tem como objetivo mostrar aos participantes como se opera drone e vants, conforme técnicas de instrução.

Para se inscrever, o participante precisa apresentar uma declaração da Empresa Rural com registro de Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (ITR), ou comprovante de Contribuição Sindical ou ainda o Certificado de Cadastro do Imóvel Rural (CCIR). Em caso de produtor arrendatário, apresentar o Contrato de Arrendamento.

O conteúdo deste treinamento é bem extenso. Dentre os diversos temas abordados está o conceito de drone, definição, origem e evolução tecnológicas do equipamento VANT e boas práticas de voo. Além disso, também está em pauta assuntos como Regras da Agência Nacional de Aviação Civil (NAC) e legislação vigente.

Os interessados em fazer o treinamento devem procurar o Sindicato Rural de seu município para verificar se há turmas e se há vagas.

Conheça algumas funções do drones na agricultura

Análise da plantação – serve para análise da plantação e para detectar pragas e doenças, falhas no plantio, excesso ou falta de irrigação e afins. Com a altura necessária, também é possível analisar a coloração das plantas.

Demarcação de plantio – O drone é ideal para apresentar a melhor área para plantio, devido à visão do alto proporcionada, facilitando decisões de forma fácil e ágil, após análises feitas nas imagens captadas.

Monitoração de desmatamento – Por meio do sobrevoo, é oferecida uma visão ampliada de lugares que se encontram distantes e com difíceis acessos. Sendo assim, com esses aparelhos, é possível chegar a locais de desmatamentos e, com a localização correta, combatê-los.

Focos de incêndio – A proximidade do fogo pode oferecer risco para humanos, por isso, os drones podem sobrevoar os incêndios e descobrir os focos do fogo e, com isso, controlá-los.

Custo-benefício do uso de drones na agricultura – a tecnologia pode ajudar no controle de custos da propriedade, tendo em vista que o produtor rural realiza, por toda a fazenda, a aplicação de defensivos a fim de combater pragas e ervas daninhas. Por meio do uso de drones na agricultura e sua tecnologia de monitoramento, é possível identificar a área atingida precisamente, representando, segundo especialistas, uma economia de até 80% nos gastos com tais tipos de agroquímicos.

O retorno sobre o investimento de uso de drones na agricultura é, em diversos casos, muito rápido, alcançando um determinado número positivo em uma colheita apenas. Isso ocorre devido à prevenção de grandes perdas em consequência de um plano de ação incorporado. Além de reduzir o custo operacional, os drones possibilitam uma gestão de dados e informações da plantação garantida, com detalhes, facilitando e agilizando decisões.

Fonte: Instituto de Tecnologia Aeronáutica Remotamente (ITARC)

Fonte: Assessoria de Imprensa/Senar-MT

Holler Box
Holler Box