Mazinho dá show e Palmeiras goleia Paraná por 4 x 0

134 0
Mazinho comemora seu 1º gol

Sem dificuldades, o Palmeiras derrotou o Paraná por 4 a 0, ontem à noite, na Arena Barueri, e se classificou às quartas de final da Copa do Brasil. O Alviverde havia vencido o primeiro jogo por 2 a 1, em Curitiba.
O destaque da partida de ontem foi o atacante Mazinho, autor de dois gols e de passe para o de Valdivia. Maikon Leite completou a goleada. Agora, o Palmeiras encara o Atlético-PR, que eliminou o Cruzeiro.
O confronto começou movimentado com o Paraná buscando o ataque, mas sem criatividade. Do outro lado, o Palmeiras foi objetivo e quase abriu o placar em arremate de Valdivia, que o goleiro Luís Carlos teve dificuldade em defender.
O Tricolor respondeu em contra-ataque que Douglas recebeu e, sozinho, na área errou.
Depois, foi o Alviverde que tomou as ações da partida. Juninho teve duas chances, mas não aproveitou, assim como Barcos, que isolou rebote de Luís Carlos.
Quem não desperdiçou foi Mazinho, que fez bom primeiro tempo. Após cobrança de falta de Marcos Assunção, o atacante desviou para a rede, aos 25 minutos. Pouco depois, Henrique e Douglas Tanque se desentenderam na área palmeirense e foram expulsos.
Com dez jogadores em cada equipe, o duelo ficou mais aberto, mas o Palmeiras, mesmo não atuando bem, foi melhor que o frágil Paraná, da Segunda Divisão estadual.
O segundo gol, porém, saiu somente na etapa final, aos seis minutos. Marcos Assunção puxou contra-ataque e tocou para Mazinho chutar da entrada da área, no canto direito de Luís Carlos.
Com o resultado parcial, o Paraná foi ao ataque e deixou espaço na defesa, e o Alviverde aproveitou. Mazinho recebeu na esquerda e cruzou rasteiro para Valdivia completar de carrinho, aos 16 minutos.
Os 3 a 0 desanimaram os visitantes, que quase diminuíram com Nilson, mas depois não tiveram força para esboçar reação e ainda foram os responsáveis pelo quarto gol palmeirense, aos 27.
Cambará perdeu a bola para Maikon Leite, que havia acabado de entrar no lugar de Mazinho. O atacante avançou e chutou na saída do goleiro, para a festa da torcida.
No fim, o Palmeiras desperdiçou chances de anotar o quinto com Cicinho e Román, mas nada que prejudicasse a festa na Arena Barueri.

Holler Box
Holler Box