banner

Mato Grosso Saúde lembra importância de realização do Teste do Pezinho

3495 0

Exame pode detectar diversas doenças nos recém-nascidos e possibilitar o tratamento adequado
Assessoria | Mato Grosso Saúde

O exame acontece com algumas gostas retiradas do calcanhar da criança – Foto por: Agência Brasil

Considerado o principal exame que deve ser realizado no recém-nascido, o Teste do Pezinho pode diagnosticas precocemente diversas doenças que podem causar alterações no desenvolvimento neurológico e psicomotor do bebe. Desde 1992, o exame é obrigatório e deve ser realizado em todas as crianças nascidas em território brasileiro. O teste pode ser feito gratuitamente na rede pública de saúde e também é disponibilizado em clínicas conveniadas ao Mato Grosso Saúde.
Com apenas algumas gotas de sangue colhidas do calcanhar do recém-nascido, o teste permite diagnosticar precocemente as seguintes doenças: Hipotireoidismo congênito, a fenilcetonúria e outras aminoacidopatias, doença falciforme, fibrose cística, deficiência de biotinidase, hiperplasia adenal congênita.
“Com o diagnóstico precoce é possível prevenir, por meio de tratamento adequado, o retardo mental e outras complicações”, diz a pediatra Natasha Slhessarenko.
A especialista esclarece que a coleta para o exame deve acontecer o mais rápido possível, tão logo a criança comece a ser amamentada. “Quanto antes diagnosticado, mais precocemente podemos instituir a terapêutica necessária”.
A coleta de sangue deve ser realizada antes do 30º dia de vida do bebe, mas nenhuma unidade de saúde pode se negar a fazer o exame depois desse prazo.

O teste do pezinho chegou ao Brasil na década de 70 para identificar a fenilcetonúria e o hipotireoidismo congênito. Em 1992, o teste se tornou obrigatório e hoje pode verificar outras doenças.
O dia 06 de junho é considerado o Dia Nacional do Teste do Pezinho. A data foi instituída com a criação do Programa de Triagem Neonatal, do Ministério da Saúde, em 2001. O objetivo é conscientizar e alertar a população para a importância da realização do exame.