Mais de 300 mulheres fazem exames de mamografia em projeto social

101 0

Mesmo sob forte chuva, dezenas de mulheres buscaram pelo atendimento no stand da Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM)

O câncer de mama, se diagnosticado no início, tem um índice de cura que pode chegar a 100%, mas se o caso for descoberto tardiamente, a chance da mulher conseguir a cura cai para menos de 5%. Por isso a necessidade de exames preventivos, neste caso a mamografia. O alerta é do o ginecologista, obstetra e mastologista Luciano Florisbelo, que participou do projeto Bem Estar Global.

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA) apesar de ser considerado um câncer de relativamente bom prognóstico, se diagnosticado e tratado oportunamente, as taxas de mortalidade por câncer de mama continuam elevadas no Brasil, provavelmente porque a doença ainda é diagnosticada em estágios avançados.

Visando proporcionar as mulheres de Cuiabá a oportunidade de realizarem a necessária momografia, a Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM), em parceria com a Santa Casa de Cuiabá e a Oncolog, disponibilizaram 300 exames para quem procurou o stand da SBM durante o evento, na última sexta-feira.

Mesmo sob forte chuva, dezenas de mulheres buscaram pelo atendimento no stand da SBM. No período da manhã, no Parque das Águas, em Cuiabá, médicos mastologistas ficaram à disposição da população dando informações e orientações sobre o câncer de mama e promovendo exames.

Antes de serem encaminhadas para a mamografia, as mulheres passaram por uma triagem, que incluía um questionário sobre a saúde e exames clínicos. Embaixo de sombrinhas, todas esperaram pacientemente. “Fiquei sabendo pela televisão. Não poderia deixar de vir, mesmo com toda essa chuva. É uma excelente oportunidade, especialmente porque, este ano, ainda não havia feito a mamografia”, contou a aposentada Anaíza Luiza de Souza de 59 anos.

O câncer de mama é o tipo que mais acomete as mulheres em todo o mundo, tanto em países em desenvolvimento quanto em países desenvolvidos. O INCA estima que para cada ano do biênio 2018/2019, sejam diagnosticados 59.700 novos casos de câncer de mama no Brasil, com um risco estimado de 56,33 casos a cada 100 mil mulheres.

As taxas de incidência variam entre as diferentes regiões do mundo. É a segunda causa de morte por câncer nos países desenvolvidos, atrás somente do câncer de pulmão, e a maior causa de morte por câncer nos países em desenvolvimento.

Inesperadamente, um dos países mais desenvolvidos do mundo, os Estados Unidos, é o país com maior índice de casos da doença. “Isto aponta que este tipo de câncer está diretamente ligado ao estilo de vida, como tipo de alimentação, sedentarismo, fumar, stress, entre outros fatores. Por isso, a importância em reforçar as recomendações de ter uma boa alimentação, fazer atividade física, manter o peso, não fumar, buscar manter uma vida saudável e, claro, fazer os exames preventivos”, ressalta o médico Luciano Florisbelo, da Clínica Oncolog.

O Bem Estar Global é uma promoção do Serviço Social da Indústria (Sesi) em parceria com a Rede Globo. A ação foi transmitida ao vivo pela Rede Globo. O projeto faz parte do programa de televisão Bem Estar, que é voltado para área de saúde e aborda principalmente a alimentação saudável e os cuidados com o corpo. A atração também aposta na mediação entre público e especialistas, que vão ao estúdio responder às perguntas enviadas pelos telespectadores.

Holler Box
Holler Box