banner

Irmãos morrem em UPA de Cuiabá após serem baleados e funcionários são ameaçados de morte

728 0

Do: Olhar Direto

Foto: Do Internauta

Dois irmãos, identificados como David Magalhães Ferreira, 24 anos e Thiago Magalhães Ferreira, 23 anos, morreram na noite da última quinta-feira (17), após serem baleados. Uma das vítimas foi levada por pessoas armadas até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Pascoal Ramos, onde funcionários teriam sido ameaçados, caso não salvassem os dois. Os responsáveis pelo homicídio ainda teriam ido até a Policlínica do bairro para tentar finalizar o crime.

Segundo o boletim de ocorrências, os dois irmãos foram baleados em frente a uma escola no bairro Pedra 90 e encaminhados para a Policlínica do bairro e também para a UPA do Pascoal Ramos. Os militares foram até a unidade e perceberam um Honda Civic que estava rondando o local. Segundo testemunhas, seriam os executores que estavam tentando consumar o homicídio.

Testemunhas da UPA ainda relataram à reportagem que quando uma das vítimas chegou ao local, estava acompanhada de homens armados. Eles disseram aos médicos e enfermeiros que, se o homem não fosse salvo, iria matar todo mundo dentro da unidade.

Funcionários e pacientes ficaram desesperados, sendo que alguns entraram em salas e fizeram até um bloqueio nas portas utilizando macas.

Os irmãos não resistiram aos ferimentos e morreram em decorrencia dos ferimentos causados por arma de fogo. A motivação ainda não foi esclarecida.

O caso será investigado pela Polícia Judiciária Civil. Até a publicação desta matéria não havia um informações sobre a prisão dos executores.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of