Homem mata irmã, confessa crime à mãe e corpo é encontrado sem roupas em matagal

246 0

Do: Olhar Direto

Foto: Rogério Florentino / OD / Reprodução

 

 

 

O corpo de uma mulher de 41 anos, identificada como Daisy Beatriz de Arruda, foi encontrado sem roupas em um matagal, pela própria mãe, na comunidade Água Sul de Cima, no municípios de Nossa Senhora do Livramento (a 37 km de Cuiabá), na tarde desta terça-feira (6). A mãe da vítima disse que seu outro filho teria confessado a autoria do crime e tentado se matar. Ele não foi localizado pela polícia.
De acordo com informações da Polícia Militar, por volta das 13h de ontem (6) a mãe da vítima, identificada como Maria Valentina de Arruda, foi até a unidade da PM em Nossa Senhora do Livramento e disse que encontrou o corpo de sua filha em um matagal.

Ela relatou que Daisy estava desaparecida desde às 17h de segunda-feira (5). A mulher apontou seu outro filho, Manoel Joadir de Arruda, como suspeito. De acordo com a PM ele teria retornado à casa da mãe após o crime, confessou a autoria e teria tentado se matar.

A Delegacia de Homicídios e Proteção a Pesso (DHPP) foi acionada para atender a ocorrência e encontrou a vítima nua, em uma região de mata fechada na zona rural do município, com sinais de que foi atingida por cerca de nove perfurações por objeto perfurocortante.

A mãe da mulher teria dito á Polícia Civil que sua filha era alcoólatra e na noite anterior estaria fazendo uso de bebida alcoólica na companhia de seu irmão. As roupas de Daisy foram encontradas a 20 metros de seu corpo.

Foram requisitados exames periciais, do local do crime e necropsia, para auxiliar os trabalhos de investigação. Procurados pela equipe da Polícia Civil, nem o irmão e nem o convivente da vítima foram localizados.