Gravidez: qual é o exercício físico mais seguro?

134 0

A atividade física previne problemas relacionados a gestação, como diabetes, pré-eclâmpsia e ganho de peso excessivo

Seguir uma dieta equilibrada e praticar exercícios físicos durante a gravidez pode evitar doenças como o diabetes gestacional (Jupiterimages/VEJA/VEJA)

Não é tão comum encontrar grávidas praticando algum exercício físico, especialmente porque muitas mulheres acham que o esforço excessivo pode prejudicar a gravidez. No entanto, existem exercícios leves que podem prevenir diversos problemas relacionados a gestação, como diabete gestacional, pré-eclâmpsia e ganho de peso excessivo. Além disso, atividades físicas podem melhorar a postura e aliviar as dores na hora do parto. Mais: os exercícios estimulam a produção de endorfina, conhecida como hormônio do prazer.
Exercícios Recomendados
As gestantes não devem embarcar em qualquer programa de exercício antes de consultarem o médico que acompanha a gravidez. Também é crucial levar em consideração os níveis de condicionamento físico que a mulher tinha antes de engravidar. “Se o exercício não era algo importante antes, pode ser difícil começar. No outro extremo do espectro, se você é extremamente apta e uma ávida frequentadora de academia, terá que regredir seu treinamento”, explica a personal trainer britânica Aya Etherington,
Segundo Aya, exercícios suaves e de baixo impacto, como ioga, são melhores, pois podem ajudar na flexibilidade e no controle da respiração.
Aqui estão algumas sugestões de poses seguras:
1. Posição do gato (ou da vaca)
Posicionando-se sobre as mãos e os joelhos, como se fosse engatinhar, inspire para arquear a coluna e expire para empurrar as mãos para a frente e aprofundar a parte superior das costas. Repita os passos, conectando os movimentos à respiração.

2. Flexão lateral da coluna
Sentada de pernas cruzadas (posição da borboleta) numa almofada ou no chão, inspire para erguer as mãos acima da cabeça. Expire e coloque a mão direita no chão, depois incline-se para a direita, com a mão esquerda acima da cabeça acompanhando o movimento. Inspire e repita o processo, mas desta vez para o lado esquerdo. Repita o processo.
3. Dobrar para a frente
Assim como na posição anterior, a mulher deve estar sentada na posição da borboleta em uma almofada ou no chão. Inicie o exercício com uma inspiração, levantando as mãos acima da cabeça. Expire e lance o corpo para frente sobre as pernas cruzadas. Mantenha-se nesta posição durante três respirações. Ao retornar a posição inicial, troque a posição do cruzamento, colocando por cima a perna que estava por baixo e repita o processo.

Exercite-se sempre
A personal trainer enfatiza que o exercício não é um conceito único: o que funciona para uma mulher pode não funcionar para outra, por isso é necessário buscar orientações médicas antes de se exercitar. Além disso, Aya recomenda que as mulheres pratiquem exercícios antes da gravidez. “É sempre mais fácil ser uma mulher ativa que gosta de se exercitar, pois isso leva a uma vida mais saudável e feliz. Estar em forma antes da gravidez vai significar que o corpo vai se lembrar e tentar manter isso ao longo dos nove meses”, comentou.