Galindo lidera com rejeição de 61% e Lúdio Cabral tem a menor repulsa; veja ranking

46 0

 

Olhar Direto

O prefeito de Cuiabá, Chico Galindo (PTB) é líder isolado quando o assunto é rejeição na capital. Ele soma 61,41% de repulsa dos eleitores cuiabanos, de acordo com levantamento feito pela Access Pesquisas. Em segundo lugar está a ex-senadora Serys Slhessarenko (PT), com 12,36%.

Um relevante grupo também não soube ou preferiu não emitir opinião neste quesito. Segundo a pesquisa, 11,22% pessoas não opinaram e 11,35% declararam rejeitar todos os nomes apresentados.

Líder isolado em todas as pesquisas, o empresário Mauro Mendes (PSB) desagrada 6,18% dos entrevistados, porcentagem que o deixa em terceiro colocado no quesito. Na sequência vem o deputado estadual Guilherme Maluf (PSDB), com 5,67%.

Ainda quando o assunto é rejeição, o empresário Dorileo Leal (PMDB) atinge a marca de 4,41% dos eleitores, Francisco Vuolo (PR) totaliza 4,41% e em último lugar está o vereador Lúdio Cabral (PT).

Galindo despreza índice de rejeição

Nesta sexta-feira (18), Chico Galindo ‘desprezou’ o índice de rejeição. “Essa rejeição é porque eu fiz o bem para Cuiabá e isso só será visto a longo prazo. Eu ganho a eleição se quiser ser candidato”, afirmou confiante.

O levantamento realizado pela Access Pesquisas foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número MT 00034/2012. Mais quadros e possibilidades foram levantados e serão divulgados com exclusividade pelo Olhar Direto.

Metodologia

A pesquisa quantitativa aplicada com a metodologia Survey ouviu nas residências de diferentes bairros cerca de 800 moradores. O método utilizado é empregado em diversas áreas do conhecimento. É uma pesquisa de opinião pública que envolve coleta de dados através de entrevistas aplicadas em uma amostra selecionada da população em estudo.

A sondagem, além de questões ligadas à intenção de votos para a eleição majoritária da Capital no pleito eleitoral de 2012, também buscou no seio dos entrevistados manifestações ligadas às diversas áreas administrativas e sociais de Cuiabá.

A Access Pesquisas está sediada em Brasília e atua em diversos Estados. Desde 2004, o instituto é parceiro do Olhar Direto na realização de trabalhos semelhantes em Mato Grosso.