Final de semana de tensão na Penitenciária Central do Estado (PCE)

155 0
Detento morto dentro do presidio

 

O final de semana foi bastante tenso dentro maior penitenciária do estado, no sábado (27.10) a equipe de contenção recebeu uma denúncia que presos executariam um detendo dentro do Raio 1, os agentes penitenciários se deslocaram até o Raio 1 e conseguiram impedir a execução que já estava em andamento.

No Domingo (28.10), os agentes também receberam uma denúncia de que materiais ilícitos entrariam na unidade dentro do hot box (recipiente que carrega comida).  A equipe de Agepens de plantão passaram todas as caixas na maquina de raio-x, onde visualizaram um  volume estranho dentro de uma delas, fizeram a revista manual e localizaram nove celulares e várias serras.

Ainda no domingo os agente penitenciários foram passar a janta para os presos do Raio 1, quando chegaram no refeitório não encontraram nenhum dos detentos no local e nem no corredor, somente um preso que estava deitado sobre a mesa, ao se aproximarem verificaram  que o mesmo já estava frio e sem respiração, em seguida acionaram  as autoridades de competência.

 

O final de semana foi bastante tenso dentro maior penitenciária do estado, no sábado (27.10) a equipe de contenção recebeu uma denúncia que presos executariam um detendo dentro do Raio 1, os agentes penitenciários se deslocaram até o Raio 1 e conseguiram impedir a execução que já estava em andamento.

No Domingo (28.10), os agentes também receberam uma denúncia de que materiais ilícitos entrariam na unidade dentro do hot box (recipiente que carrega comida).  A equipe de Agepens de plantão passaram todas as caixas na maquina de raio-x, onde visualizaram um  volume estranho dentro de uma delas, fizeram a revista manual e localizaram nove celulares e várias serras.

Ainda no domingo os agente penitenciários foram passar a janta para os presos do Raio 1, quando chegaram no refeitório não encontraram nenhum dos detentos no local e nem no corredor, somente um preso que estava deitado sobre a mesa, ao se aproximarem verificaram  que o mesmo já estava frio e sem respiração, em seguida acionaram  as autoridades de competência.

A causa da morte ainda é desconhecida, o preso que veio a óbito tem o nome de Edson Pedro Tamborlim, estava respondendo por tráfico de entorpecentes.

 

Diretoria de imprensa -SINDSPEN/MT

Holler Box
Holler Box