banner

Conta de energia faturada por média: entenda os motivos

100 0

 

 

Em algum momento você já deve ter tido sua conta de energia faturada por média ou calculada por estimativa ou pelo menos ouvido falar a respeito do tema. Saiba que, sim, isso pode ocorrer e é importante que você entenda os motivos pelos quais as distribuidoras de energia adotam esta medida, em caráter excepcional, uma vez que a regra geral é que as leituras sejam obtidas através de leitura mensal em toda a base de clientes situados em zonas urbanas e a cada 3 meses na zona rural.
Para contextualizar sobre essa excepcionalidade, no Mato Grosso, atualmente somente 0,67% de mais de 1,4 milhões de faturas de energia mensais são calculadas com base na média do consumo diário do cliente. Isso acontece somente quando há impedimento para a leitura do medidor. Para melhor entendimento: Ao chegar em um cliente, o leiturista precisa se aproximar do medidor e, caso tenha algum fato que impossibilita a leitura, ele registra o motivo do impedimento e, com isso, o sistema emite automaticamente o faturamento pela média de consumo dos últimos doze meses sem qualquer interferência humana, assegurando padrões rígidos de isenção e conformidade. Alguns motivos que levam a esta condição são: portão fechado do imóvel, ausência de pessoas no imóvel, imóveis desocupados, cães bravos soltos que impedem a aproximação do leiturista por questões de segurança e, no caso dos CP-Redes (medidores que ficam nos postes de energia), também há causas como objetos ou árvores na frente do visor de leitura ou ainda sujeira/embaçamento do mesmo.
Isso posto, é importante esclarecer que não há nada de errado no faturamento por média. Ele é previsto no artigo 87 da resolução 414/2010 da Agência Nacional de Energia Elétrica, norma que rege o Setor Elétrico, onde se lê que nessa condição que a Distribuidora deve faturar pela média por no máximo 3 meses consecutivos e, após o quarto mês, passar a faturar apenas o custo de disponibilidade (mínimo).
Vale reforçar que em nenhum momento o cliente é lesado e que eventuais perdas advindas desse processo são assumidas pela empresa. Na próxima medição, após nova leitura confirmada, a Energisa lança a leitura correta na fatura, fazendo a adequação para mais ou para menos na conta, faturando somente o que foi efetivamente consumido pelo cliente no período.
Energisa trabalha continuamente em plano de redução das leituras por média – Apesar da previsão legal do faturamento à média, a Energisa Mato Grosso tem buscado incessantemente a redução dos mesmos através da melhoria contínua de seus processos internos, reforçando seu compromisso com o bom atendimento e satisfação dos clientes em geral. Como efeito desse trabalho, verifica-se que em 2019, os faturamentos feitos pela média de consumo caíram mais 59% de abril para outubro deste ano. Além disso, com uma análise criteriosa nas reclamações, a empresa tem ampliado a comunicação e esclarecimentos a população, e criou canais específicos para informar aos clientes sobre dúvidas, esclarecimentos e investimentos na troca das caixas de CP Redes por padrões que ficam na calçada, junto aos imóveis. Com isso, objetivo da Energisa Mato Grosso é continuar reduzindo ainda mais o faturamento por média além de proporcionar maior facilidade para que o próprio cliente possa acompanhar a evolução da leitura, verificando diariamente seu consumo de energia elétrica, caso deseje.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Holler Box
Holler Box